O Que é Persona: As 8 Dicas Para Você Criar uma Persona Ideal

recrutamento persona concepção

Criar uma persona é importante para qualquer empresa, principalmente para as estratégias de marketing. Isso porque ela se baseia em características reais de um público-alvo, incluindo gostos, motivações, dentre outras particularidades.

Depois que é criada, tudo o que a empresa faz é direcionado a persona. Só que antes de desenvolvê-la, primeiro precisamos saber quem é o público-alvo.

É com base nisso que compreendemos quem compra de uma marca, algo fundamental para o desenvolvimento dos produtos e serviços e para as estratégias de marketing digital.

Quando investimos nessas ações, por exemplo, criando conteúdos para o blog da companhia, a persona funciona como um recurso para o direcionamento dos temas, ou seja, ela determina os assuntos que serão abordados.

A criação desse personagem pode ser mais fácil se respondermos as perguntas certas. Portanto, pegamos as informações e as usamos para basear as tomadas de decisão.

A partir disso, toda ação da empresa será voltada para as pessoas certas, então, o alcance da marca, além de maior, será mais assertivo.

Neste artigo, vamos explicar o conceito de persona, sua importância e dar algumas dicas para criá-la. Portanto, leia o artigo até o final.

Persona é a mesma coisa que dar “vida” a um cliente ideal de um empreendimento, é criar uma representação fictícia dele. 

Ela se baseia no comportamento e nas características em comum entre as pessoas de seu público-alvo. Além disso, ela tem sua própria história e outros dados, como:

  • Nome;
  • Idade;
  • Gênero;
  • Profissão;
  • Motivações;
  • Objetivos;
  • Desafios;
  • Preocupações.

Para definir bem a sua persona, uma empresa de motoboy expresso conhece a fundo o seu público-alvo, o que também ajuda a identificar clientes em potencial.

Uma base bem estruturada de clientes também ajuda a criar esse perfil, visto que por mais diferentes que as pessoas sejam, algumas características em comum podem ser encontradas.

O foco, neste caso, são seus hábitos de consumo e preferências pessoais, algo que vai muito além de números. 

Para que a persona seja ainda mais realista, a empresa deve considerar as características tanto de clientes satisfeitos quanto de clientes insatisfeitos.

Dessa forma conseguimos ter a melhor percepção do produto e entender quais desafios os clientes estão encarando. 

Um bom exemplo de persona seria: Caroline, 26 anos, recém-formada em arquitetura, autônoma, deseja aprender mais sobre arquitetura internacional.

Contudo, apesar de a persona ser baseada em características em comum dentro do público-alvo, não podemos confundir esses dois conceitos.

Um exemplo de público-alvo é: Homens e mulheres, de 30 a 40 anos, solteiros, formados em direito, com renda de valor X, que desejam ampliar sua capacitação profissional.

Por outro lado, o público-alvo de uma creche infantil particular pode ser: mulheres, de 30 a 40 anos, formadas em direito, trabalham em período integral, mães de primeira viagem, procurando um local seguro para deixar o filho, que também ofereçam ensino bilíngue.

Enquanto o público-alvo é mais abrangente, ou seja, se refere a uma parcela maior da sociedade, a persona tem como foco representar o perfil de cliente ideal da escola. 

Portanto, ela é mais humanizada e personalizada.

Agora que você já entende o conceito desse personagem, no próximo tópico, vamos explicar por que ela é importante.

Importância da persona para os negócios

Criar uma persona é fundamental para que as estratégias de marketing digital deem certo. A partir disso, uma escola de aula de violão infantil envia a mensagem certa para as pessoas certas, aumentando suas chances de sucesso.

Se o perfil de cliente não é definido, as estratégias podem se perder, então, a mensagem não será bem compreendida ou vai chegar até as pessoas que não têm o mínimo interesse.

É por meio da persona que a marca determina o tipo de conteúdo que precisa para alcançar seus objetivos. Também é o melhor caminho para definir o tom e estilo do material.

As estratégias de marketing são mais bem desenhadas, considerando o perfil em que precisam manter o foco. 

As pautas dos conteúdos são mais claras, uma vez que a empresa sabe quais informações seu cliente deseja ter acesso.

Só que para chegar a bons resultados, é necessário saber como criar a sua persona, e é sobre isso que vamos falar no próximo tópico.

Para criar o seu perfil de cliente ideal, uma fabricante de placas informativas personalizadas deve investir em estratégias, como:

Escrever um anúncio de venda

Baixe o e-book gratuito Como escrever um anúncio de venda


Entender a serventia da persona

A persona pode ser aplicada de várias formas, então, precisamos ter certeza do que estamos elaborando. 

Sendo assim, antes de elaborar esse perfil, devemos nos lembrar de que ele será usado para a comunicação entre a marca e o consumidor.

Portanto, ela pode servir para todo tipo de ação, como aquisição de novos clientes, aumento do tráfego do site, conversão de leads e até mesmo aumento das vendas.

______

Está gostando desse artigo? Então cadastre seu e-mail abaixo para se juntar a vários leitores inteligentes do Blog do Convidar para receber novos conteúdos.

Seu e-mail não será compartilhado

Somos contra o SPAM!

______

Levantar informações sobre os clientes

É possível levantar uma grande quantidade de informações de clientes na base de dados da empresa.

E para que a persona seja ainda mais próxima do ideal, a marca pode investir em entrevistas e coleta de dados sistematizada.

No caso de uma entrevista, é interessante criar um roteiro de perguntas para levantar o máximo de informações sobre a base.

Variar as fontes de pesquisa

Além de considerar os dados dos clientes que seu negócio possui, é interessante expandir por meio de pesquisas de mercado.

As redes sociais são excelentes plataformas que permitem que uma gráfica de cartão de visita nutricionista, por exemplo, compreenda o perfil da persona.

Com base nas informações geradas por elas, podemos entender o comportamento, interesses e hábitos de consumo das pessoas, de maneira segmentada e obter bons insights sobre o perfil.

Descrever o perfil

Depois de levantar todas as informações, a persona já está quase completa, somente é necessário ter em mente que se trata de uma pessoa real.

Além do nome e da imagem, precisamos construir fatos, como a personalidade e os interesses, além de todos os dados que já mencionamos aqui.

Criar mais de uma persona

Não existem limites, caso o seu negócio identifique que possui mais de um perfil de cliente ideal.

Se uma empresa cria várias personas, ela terá em mãos um método comparativo baseado em dados que sugerem a melhor forma de estabelecer a quem seus produtos e serviços são destinados.

Compartilhar com outras áreas

A persona deve ser compartilhada com as equipes de marketing, comunicação e vendas. Aliás, é importante até mesmo que elas participem da criação da persona.

Dessa forma, os setores de uma gráfica de flyer de festa que têm contato com o público estarão sempre por dentro das decisões em relação à persona, o que ajuda a atingir o público de maneira mais assertiva.

Formalizar os resultados

Criar uma persona não é tarefa fácil, mas uma boa maneira de começar é estabelecer um perfil central inicialmente e ir atualizando com informações que possam enriquecê-lo.

Com isso, várias estratégias de marketing podem ser criadas, o que ajuda a impactar mais pessoas dentro do público-alvo.

Criar um roteiro de perguntas

Uma fabricante de crachá de empresa também pode investir em uma série de perguntas que vão embasar a criação da persona. 

Algumas delas são:

  • Perfil dos clientes atuais;
  • Valor da entrega para o cliente;
  • Quem é o potencial cliente;
  • Comportamento recorrentes dos compradores;
  • Assuntos de interesse deles;
  • Expectativas do público;
  • Motivações.

Ainda, a empresa pode direcionar algumas perguntas diretamente para o público, como idade, estado civil, onde mora, formação, profissão, renda média, valores, metas, dificuldades e problemas e quais são os sonhos dessas pessoas.

Uma loja de tornozeleira feminina ouro também pode aprofundar um pouco mais as perguntas, perguntando quais marcas a pessoa costuma usar, como é o dia a dia dela, lugares que gosta de frequentar e quais são suas atividades de lazer.

Também é importante saber onde essas pessoas buscam informação, em quais canais, se utilizam alguma rede social, com que frequência utilizam, que tipo de conteúdo mais se interessa e se tem um site ou blog que costuma acessar.

A relação de consumo mudou muito e com isso o comportamento do consumidor. Hoje em dia, as pessoas prezam por personalização do começo ao fim de suas relações com as marcas.

Portanto, as empresas precisam conhecer o seu público para garantir que a comunicação com ele seja assertiva e do jeito que ele espera.

Conhecer o perfil de cliente ideal é ainda mais importante, afinal, é ele que vai gerar receita para a companhia.

A partir do momento em que a marca consegue falar com sua persona, ela é capaz de convencê-la, já que está apta a usar os argumentos certos. Com isso, fica muito mais fácil conquistar seus objetivos.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos. 



GOSTOU DESSE POST?
FAÇA PARTE DO SELETO GRUPO DE LEITORES INTELIGENTES.

Seu e-mail não será compartilhado Somos contra o SPAM!


No Blog do Convidar publicamos dicas e tutoriais de como anunciar mais e melhor, seja uma marca, um produto, serviço ou oportunidade. Da mesma forma, também damos dicas de como fazer propaganda grátis na internet com o uso de serviços gratuitos.

Como funciona | Nossos Serviços | Análise gratuita de site  |  Fale Conosco  |  Anuncie Melhor  |

Certamente, gostaríamos de saber sua opinião, suas dicas e comentários.

Aproveite o espaço abaixo reservado para a pessoa mais importante no nosso trabalho. Você!


 

Posts internet marketing

Posts marketing digital