Entenda melhor sobre o que é inbound marketing
  • Save

Entenda melhor sobre o que é inbound marketing

Se você é empresário e deseja que as pessoas venham até o seu negócio em busca das suas ofertas de produtos ou de serviços, o inbound marketing pode ser um grande aliado nesse processo de se tornar referência no seu segmento de atuação.

Também conhecida como marketing de atração, devido sua tradução, o principal objetivo dessa estratégia é justamente atrair os prospects e clientes visando estimular o aumento do número de compras e, consequentemente, da lucratividade da empresa.

Todo esse trabalho costuma ser feito em canais digitais, como por meio de blogs, sites e mídias sociais. Com conteúdos estratégicos, os profissionais da área buscam educar a sua audiência, de forma a se tornar referência em um determinado assunto.

Empresas de qualquer porte e nicho de atuação podem ser adeptas dessa técnica. De acordo com dados da pesquisa anual “State of Inbound”, do Hubspot, 73% das empresas e marcas do mundo todo usam o inbound marketing como abordagem principal.

Diante desse cenário, conhecer profundamente os leads, seus interesses e possíveis desejos, é imprescindível para que a estratégia gere bons resultados a um negócio. Com uma segmentação bem feita, as ações de inbound poderão ser mais assertivas.

Além de atrair e converter clientes, essa metodologia busca encantar pessoas e criar um relacionamento direto e profundo com elas, a partir de um diálogo constante entre um negócio de baterias moura e os seus consumidores.

Com a aplicação das estratégias, é possível alcançar muitos benefícios e funcionar como um imã na internet, atraindo exatamente um grupo de interesse. 

Inclusive, a utilização do inbound proporciona ao mercado empresarial:

  • Maior engajamento dos clientes;
  • Interação aberta e constante;
  • Construção da confiança;
  • Persuasão menos invasiva;
  • Melhor ranqueamento de buscas;
  • Alta capacidade de mensuração.

Ao contrário do marketing tradicional, que prega a necessidade da empresa se dirigir até o cliente, esse método faz os consumidores se voltaram a uma marca, por meio da oferta de conteúdos relevantes que vão de encontro às suas necessidades.

Nos dias de hoje, é comum que, antes de realizar uma compra em um ambiente físico, as pessoas costumam utilizar o Google ou até mesmo canais como o YouTube para pesquisar sobre a qualidade e as avaliações do produto desejado.

Com a alta da demanda por informações desse tipo, muitas empresas precisaram se adaptar aos recursos digitais para sanar todas as dúvidas dos prospects e estimulá-los a fechar uma negociação ou parceria.

Dessa forma, é possível que os profissionais de marketing que utilizam essa metodologia consigam influenciar toda a jornada de compra de um consumidor, desde o início até o final do processo de aquisição de algum item.

Para uma alta performance, é recomendável aplicar algumas técnicas específicas e necessárias para trabalhar o posicionamento orgânico de uma marca no ambiente cibernético.

Leia também…

Elaborando uma estratégia de inbound marketing

Existem diversas formas de elaborar boas estratégias de inbound marketing, portanto, é necessário que o mercado empresarial esteja atento e explore as diversas possibilidades para alcançar resultados satisfatórios nos canais digitais.

Todos os conteúdos criados devem ser direcionados a um determinado grupo. Para que isso seja feito de maneira assertiva, é imprescindível realizar uma segmentação detalhada do público-alvo, para que as estratégias aplicadas sejam eficientes:

1. Faça uso do blog

Considerado um dos pilares principais do marketing de conteúdo, o blog pode ser usado como uma ótima forma de atrair e chamar a atenção de potenciais clientes, que estejam interessados por algum dos itens vendidos pela empresa.

Assim, uma loja de produtos automobilísticos pode usar o blog para trazer informações relevantes aos prospects sobre a qualidade de um freio automotivo, de como ele pode beneficiar um motorista, e assim por diante.

Com isso, ao acessar a plataforma, os leitores e leads poderão ser atraídos e persuadidos pelos conteúdos, a ponto de efetuar a compra não somente de um freio, mas até mesmo de outro produto mencionado do setor.

Ou seja, explorar as possibilidades de postagens é essencial para oferecer conhecimentos que vão de encontro à necessidade ou apenas desejo das pessoas pertencentes a um determinado grupo em potencial.

2. Invista nas mídias sociais

De acordo com dados divulgados pelo Hootsuite e WeAreSocial, mais de 4,2 bilhões de pessoas utilizam mídias sociais pelo mundo, o que representa 53,6% da população mundial. No Brasil, são mais de 150 milhões de usuários.

Considerando essas informações, investir nesses canais de comunicação para atrair possíveis clientes tem sido muito favorável a diversos negócios que investem mas técnicas presentes no conceito de inbound marketing.

Ao precisar alugar data show ou qualquer outro serviço, os internautas costumam acessar o perfil do Facebook ou Instagram da empresa responsável para sanar dúvidas e avaliar a qualidade da oferta relatada por outros usuários e clientes.

Portanto, transformar esses ambientes digitais em cenários propícios, que funcionam como um meios de atração, é primordial para quem deseja alavancar o alcance, o número de consumidores e, consequentemente, de vendas.

3. Aposte no SEO (Search Engine Optimization)

Além das mídias sociais, as plataformas de pesquisa, como o Google, são ótimas ferramentas para encontrar e filtrar produtos e serviços de interesse, como um carreto ou frete para mudança.

Entretanto, com milhares de sites no ar, além dos que surgem diariamente, é importante que as empresas se preocupem com estratégias que auxiliem os internautas a encontrarem a solução para os seus problemas de forma rápida.

Pensando nisso, o marketing de atração costuma apostar no uso de SEO (Search Engine Optimization), valendo-se de palavras-chave que promovam ofertas de forma orgânica, funcionando como um imã para as pessoas.

No caso das publicações feitas em sites que oferecem serviços relacionados a mudanças, é essencial que todas as palavras sejam relacionadas a possíveis formas de pesquisa dos usuários.

4. Uso de Call to Action

Call to Action, ou CTA, significa “chamada para ação”, e é exatamente dessa forma que esse recurso do inbound funciona. Imagine que uma pessoa interessada em tirar uma carta de habilitação esteja à procura de um centro formação condutores.

Nesta situação, o centro de formação deve estar atento e preparado para oferecer publicações e ações que visam ir de encontro à necessidade e desejo de aquisição por parte de seus prospects.

Tanto no site quanto nas mídias sociais, os profissionais de marketing do estabelecimento podem apostar em Chamadas para Ação que estimulem a aquisição do serviço de formação de condutores.

Para isso, é essencial o uso de palavras que causem a sensação de urgência, como “clique aqui”, “garanta desconto exclusivo”, “faça o seu cadastro”, entre outras que funcionem como um atrativo para o público-alvo.

5. Crie landing pages

Landing pages são páginas de entrada de um site, que devem ter uma comunicação textual e visual que atinja rapidamente o alvo principal: os novos visitantes da página web da organização.

Essa ferramenta de marketing digital, usada no inbound, é relevante para empresas que buscam capturar, converter e direcionar leads à trajetória de compra dentro de um site ou outra página da web.

Quando algum profissional necessita de um espaço coworking para executar suas funções de maneira confortável e descontraída, é comum que ele inicie essa procura por meio das plataformas de pesquisa.

É nesse momento em que as empresas que oferecem esse tipo de serviço devem estar atentas e buscar ser o mais atrativas possível para os prospectos que estão em busca dessa solução para a sua rotina de trabalho.

6. Uso de e-mail marketing

Apesar de parecer uma plataforma pouco usada pelas pessoas, o e-mail ainda continua sendo utilizado para promover a comunicação direta entre uma marca e seus consumidores, de forma a fortalecer e estreitar essa relação.

Assim, um e-commerce de materiais de construção, que tem como foco a venda de divisória parede, pode apostar no e-mail marketing como estratégia de inbound marketing. Para isso, pode produzir conteúdos relevantes e instigantes.

Entregar informações a respeito da qualidade dos produtos e das vantagens de adquiri-los, além de informar os clientes em potencial a respeito das novidades da loja virtual, são algumas das formas de efetuar essa função.

7. Personalização do site

A primeira impressão é sempre a que fica, logo, investir na comunicação visual das mídias sociais e de páginas da web, como site e blog, é de extrema importância para impactar os visitantes desses canais digitais.

Nesse sentido, uma empresa especialista na produção de laudo veicular para transferência deve apostar em um layout equilibrado e de fácil navegação, que facilite o acesso e navegação dos internautas interessados pelo serviço.

Considerações finais

Em uma analogia, o inbound marketing funciona como um imã, que atrai potenciais clientes para um negócio. Com boas estratégias de persuasão, é possível conquistar essa realidade no relacionamento entre empresas e clientes.

A técnica de marketing de atração busca proporcionar ao meio empresarial a chance de ser buscado pelo público, por livre e espontânea vontade, com o objetivo de servir como a solução dos seus problemas e necessidades.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Entenda melhor sobre o que é inbound marketing via @ConvidarNet
  • Save
A PUBLICIDADE

É CRUCIAL PARA O SEU NEGÓCIO?
CONHEÇA O ANUNCIAR MAIS!

 
A solução de marketing para empresas e pessoas fazerem mais negócios
Que tal alcançar uma fatia maior do seu mercado consumidor?
close-link
Share via
Copy link
Powered by Social Snap