Por que uma marca deve contar uma história em uma estratégia de marketing?

história

Como muitos estudiosos dizem, um fato possui muito mais chances de ser lembrado quando é vinculado a uma história envolvente. 

Contar uma história é um dos recursos mais antigos utilizados para transmitir uma informação. 

Quando uma pessoa utiliza de recursos diferenciados para contar sua narrativa, por exemplo, piadas, expressões faciais, sons e gestos, a probabilidade de cativar o público é maior. 

Um exemplo clássico da utilização desses recursos, são os livros, filmes, peças de teatro, musicais, filmes e séries. 

Todos utilizam a maior quantidade e variedade de recursos para prender a atenção do público até o final do conteúdo. 

Uma narrativa envolvente também transmite uma credibilidade maior, por exemplo, se você chegar no trabalho atrasado e contar uma história bem detalhada e com emoção.

Sobre como seu carro quebrou na rodovia e você teve que chamar um reboque de carros, que demorou muito para chegar.

Certamente, sua história pode provocar uma maior empatia no seu chefe e colegas de trabalho, do que apenas dizer que se atrasou porque seu carro quebrou. 

Quanto mais detalhada uma história é, maior a probabilidade dela ser verdadeira. 

Essa técnica não funciona apenas para recursos cinematográficos e atividades do cotidiano.

Ela pode também ser aplicada nos negócios, para promover marcas e produtos, pois aproxima os clientes da empresa e faz com que a marca seja lembrada mais facilmente. 

Contar uma história é uma ótima estratégia de marketing empresarial, denominada como storytelling

O que significa storytelling? 

Storytelling é uma palavra em inglês que significa narrar uma história, é utilizada no marketing como uma técnica de fixação e persuasão, auxiliando a promoção da marca. 

Quanto mais bem elaborado é o enredo da sua empresa, mais chances você possui de cativar o cliente e ter sua marca lembrada e recomendada. 

Atualmente, esse é um recurso importante e moderno, que possui um grande potencial de destacar uma marca em um mercado altamente competitivo. 

De que forma aplicar o storytelling no seu negócio? 

Algumas pessoas já nascem com o dom de contar uma boa história, entretanto, existem recursos que podem facilitar na hora de produzir um bom conteúdo. 

No começo, estudar e praticar são ótimas alternativas para melhorar seu storytelling.

Até porque, não adianta ter um conteúdo bom se você não sabe estruturá-lo para cativar o consumidor desse conteúdo.  

Responder algumas questões certeiras antes de iniciar a escrita da sua história, pode auxiliar e otimizar o tempo.

Desse modo, irá criar uma narrativa precisa, que alcance o público alvo e os objetivos da empresa de forma mais rápida e eficaz.

Inicialmente, às perguntas que devem ser respondidas são: 

  • O que você gostaria de falar para seu público?
  • Qual é o público que você quer atingir? 
  • Porquê quer contar essa história? 
  • Onde gostaria de contar essa história?
  • Como você gostaria de contar a história? 

Essas perguntas irão direcionar o enredo para alcançar o sucesso da marca, pois estruturam os pontos básicos da narrativa, prendendo a atenção do cliente que o empreendedor gostaria de atingir. 

Um exemplo prático sobre isso são os textos ou vídeos com linguagem informal e com gírias, direcionada para vender um produto ou uma atividade para o público jovem, ou um conteúdo mais formal, para atingir meios empresariais. 

Um produto visado por muitas empresas são aqueles destinados a impressão, por exemplo, ribbon colors, uma fita de transferência térmica utilizada em impressoras, com diversas aplicações pois transfere informações para vários tipos de:

  • Papéis;
  • Cartões;
  • Adesivos;
  • Etiquetas;
  • Filmes. 

Criar uma propaganda para promover esse produto pode ser mais formal, tendo em vista que a clientela alvo são empresas formais que buscam confiança de seus fornecedores. 

Mas, se o empreendedor busca atingir como público pequenos empreendedores, autônomos e jovens, a linguagem pode ser alterada.

Outra estratégia muito utilizada no storytelling é dividir sua história em atos, normalmente três. 

O primeiro ato é destinado para apresentar os personagens da narrativa, suas histórias e seus hábitos.

Nesse momento, o intuito é criar uma relação de empatia com o público. 

Ao final do primeiro ato é apresentado uma problemática para o protagonista solucionar. 

No segundo ato os conflitos são desenvolvidos, se tornando cada vez mais complexos. 

No ato três, o protagonista se vê diante de um dilema, chega ao ponto alto da história, para no final, existir a resolução do problema. 

Dividir a história da sua marca em atos facilita na disposição dos fatos e no desfecho das informações, não importa se é uma história curta ou longa. 

Essa técnica é muito aplicada em comerciais de televisão e livros, mas pode ser utilizada em qualquer meio de comunicação. 

Atualmente, os meios de comunicação mais utilizados são a internet e a televisão, portanto, focar em estratégias de marketing no e-commerce (comércio pela internet) é uma alternativa promissora. 

Facilitando até mesmo a vende objetos específicos e desconhecidos ou muito populares.

Como essa estratégia pode trazer benefícios para a empresa? 

Produzir um storytelling cativante e bem estruturado é uma das habilidades mais fortes nos negócios. 

Podendo trazer diversas beneficios e vantagens, como por exemplo: 

  • Aumentar as vendas; 
  • Ser mais recomendado; 
  • Ter sua marca associada a uma história boa e de sucesso;
  • Aumentar a lealdade do cliente;
  • Aumentar a clientela;
  • Se destacar no mercado.

De forma geral, é uma estratégia que não necessita de muitos recursos para ser feita, pois o próprio empreendedor pode escrever ou produzir recursos áudio visuais de forma autônoma sobre seu negócio. 

Uma história pode destacar aquela marca ou produto do mercado, cativando os clientes antigos e atraindo clientes novos. 

 

O storytelling funciona para marcas que já estão consolidadas? 

Com certeza, imagine um mercado onde várias pessoas estão oferecendo exatamente o mesmo produto, de qual vendedor você escolheria comprar? 

Provavelmente, do vendedor mais simpático ou do que transmite mais seriedade e confiança. 

Você compraria daquele empreendedor que vende seu produto de forma mais cativante e diferenciada.

Um exemplo interessante são os vendedores de cortinas e persianas. 

O cliente gostaria de comprar uma persiana romana cascata, que pode ser obtida em qualquer loja comum.

Porém, se o empreendedor trouxer uma história que agrega um valor diferencial para o produto, ele terá mais chances de ser selecionado pela clientela.

Empresas que são antigas e possuem uma história familiar sobre o negócio para ser contada, normalmente, podem possuir mais credibilidade. 

A exemplo, é preferível comprar de uma marca familiar, com uma história cativante sobre a motivação do porque aquelas pessoas decidiram se dedicar a técnica de fabricação de persianas.

Isto se comparado a uma empresa que vende persianas apenas por vender, sem uma motivação ou história original. 

As grandes indústrias também são um tipo de clientela, então desenvolver uma história cativante para fazer a propaganda de cilindro de gás industrial, por exemplo.

A princípio, isso pode diferenciar a empresa dos concorrentes que vendem praticamente o mesmo produto. 

Já que cilindros de gás industrial dificilmente possuem um design, material de fabricação ou finalidades diferentes. 

Sendo assim, ter uma história sobre seu produto ajuda a se destacar no mercado e agregar originalidade a ele, mesmo que esse produto seja comum e “engessado”, não tendo muitas possibilidades de se diferenciar das outras marcas concorrentes, como:

  • Os cilindros de gás;
  • As persianas;
  • Canos;
  • Ferramentas;
  • O elevador carga.

Coisas específicas mas pouco diferenciáveis, você pode agregar diferença na história da sua marca. 

Produtos e marcas inovadoras e a aplicação do storytelling

Também é possível aplicar o storytelling em produtos que são desconhecidos pela maior parte da população. 

Um exemplo interessante, é a técnica de criolipólise, um tipo de tratamento realizado em clínicas estéticas para reduzir a gordura localizada de partes do corpo, sendo subdividida em criolipólise culote, criolipólise abdome, entre outros. 

Uma clínica estética que transmite seu propósito, seus valores e seus objetivos para com a clientela, explicando esses tratamentos e promovendo-os de forma simples, possui mais chances de alcançar um leque maior de clientes. 

Uma história bem contada chama a atenção do público, despertando o interesse em adquirir aquele serviço ou produto. 

Outro exemplo interessante são as empresas que oferecem serviços de limpeza de estofados a vapor, um serviço específico para uma clientela específica, que pode ser atingida através de uma propaganda bem estruturada. 

Esse tipo de serviço é algo pouco conhecido pela população em geral, então explicar as vantagens da lavagem a seco de estofados em relação às lavagens convencionais e caseiras, através de uma história bem estruturada, pode aumentar o leque de clientes.  

Conclusão

O storytelling é, portanto, uma ótima estratégia de marketing em formato de história.

Sendo a chave para agregar diferença em produtos e serviços já consolidados no mercado, além de promover informações de maneira cativante sobre produtos inovadores. 

A história da marca pode ser transmitida em qualquer plataforma digital e até mesmo boca a boca, tendo um baixo custo e sendo altamente efetivo. 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

E você, sempre conta a história da sua marca ao ofertar seus produtos e serviços?

Uma ferramenta de marketing interessante é o serviço de perfis do Convidar.

Isso por que, ao publicar um anúncio classificado no serviço, a primeira tela de cadastro, ela permite criar um perfil do anunciante.

Oras, a primeira dica na criação do perfil do anunciante é a descrição do negócio.

Uma pequena história de quando começou, os motivos no negócio e os objetivos.

Pense assim, ao clicar num anúncio classificado, cujo anunciante criou seu perfil, um link adicional é fixo no anúncio de venda.

Ao ser clicado, abre-se a página do perfil e sua história de negócio.

Bem convincente e fácil, não é?

Você pode ter isso, gratuitamente.

Comece pelo Painel do usuário.

Se acreditar que podemos ajudar…




Quer saber como melhorar o posicionamento do seu site?
Ou, talvez você queira apenas fazer o seu melhor #anunciodevenda ...
SIM. QUERO SABER MAIS!


No Blog do Convidar publicamos dicas de como anunciar mais com anúncios de vendas mais eficientes. Da mesma forma, dicas de como fazer propaganda grátis na internet de maneira muito fácil.

Como funciona | Nossos Serviços | Análise gratuita  |  Fale Conosco  |  Anuncie Melhor  |

Certamente, gostaríamos de saber sua opinião, suas dicas e comentários. Aproveite o espaço abaixo reservado para a pessoa mais importante no nosso trabalho. Você!

 

Obrigado por nos visitar. Deixe uma opinião ou mensagem, isso nos ajuda a melhorar esse espaço

A PUBLICIDADE

É CRUCIAL PARA O SEU NEGÓCIO?
CONHEÇA O PIN!

 
A solução de marketing para empresas e pessoas fazerem mais negócios
Que tal alcançar uma fatia maior do seu mercado consumidor?
Projeto
close-link
Scroll to Top
%d blogueiros gostam disto: