Qual a Importância de: Missão, visão e valores de uma empresa?

a importância de Missão, visão e valores de uma empresa

Desde o momento da criação de um negócio, é possível entender e prever alguns passos de como será o seu estilo de gestão, baseado nos conceitos e ideais do negócio, ideais esses que são definidos pela missão, visão e valores da empresa.

Esses três conceitos, embora simples, causam confusão para muitas pessoas por não saberem exatamente o que cada um significa e qual o impacto deles em seu negócio, mas antes de explicá-los, algumas observações devem ser levantadas. 

Primeiramente, como você acredita que uma empresa de sucesso chega tão longe: por vender os produtos certos e que estão em alta, além de um pouco de sorte? Talvez uma pequena porcentagem disso seja verdade, mas não em sua totalidade.

Seja o seu negócio focado em entregas de documentos ou serviços de ultrassom para cães, ter muito bem definidos a missão, visão e valores servirá como um guia estratégico e moral de sua empresa, auxiliando em diversos momentos decisivos.

Então, antes de entender o que cada um desses termos representa, tenha em mente que, ao defini-los, você está trazendo alguns benefícios para empresa, como:

  • Melhor entendimento do negócio;
  • Maior taxa de expansão da empresa;
  • Gestão empresarial melhor definida e focada;
  • Cultura organizacional da empresa enraizada nos funcionários.

Sem mais delongas, nos próximos tópicos, entenda a função e importância de cada um desses pilares.

A missão nada mais é do que o objetivo de seu negócio. Pode-se dizer que é o propósito e a finalidade de sua criação. Toda empresa deve ter uma missão, seja ela uma grande logística ou um auto peças universal.

Em outras palavras, a missão é o que justifica a existência de sua empresa, justificando também o seu papel perante a sociedade em que vivemos e seus lucros, seja de forma direta ou indireta.

A missão de sua empresa deve ser descrita de forma simples, clara e objetiva, para que tanto os seus funcionários quanto os seus clientes não tenham dúvida do papel que ela está desempenhando.

No entanto, não é estranho encontrar empresas que descrevam com muitos detalhes e com bastante precisão sua missão. Nenhum está errado, dependendo obviamente da estratégia e estilo do seu negócio.

Porém, empresas com sua missão mais clara e bem definida podem utilizar dela para meios de divulgação mais eficazes e chamativos, afinal, a maioria das pessoas preferem ler uma frase de impacto do que um texto que levará a mesma finalidade.

Se sua empresa vende enxoval de bebê completo e tem esse público como alvo, a missão pode ser “oferecer produtos e serviços únicos para o desenvolvimento de novas gerações”, por exemplo.

A visão é o vislumbre de um possível futuro cenário para o negócio, um sonho e meta a serem atingidos. Este pilar pode ser alterado, visto que após um certo período, a empresa pode alcançar esse cenário.

Então, caso alcance, criar uma nova visão, um novo sonho de expansão pode continuar motivando você e os colaboradores de seu negócio a continuarem melhorando, já que a visão está no DNA e identidade da empresa.

Lojas de eletrodomésticos, empresa de motoboy ou de qualquer outro ramo devem se atentar na criação da visão, pois todos devem desejar o mesmo de forma prática, realista e temporal.

Uma visão onde os colaboradores acreditam que nunca poderão alcançar pode desestimular o trabalho e empenho de todos, fazendo-os não confiar no verdadeiro potencial e sonho da empresa.

Um exemplo de visão caso sua empresa seja responsável por serviços eletrônicos e automatizados, como controle de portão automático, pode ser: “ser referência em projetos de automação para residências e indústrias, sem perder nossa identidade”.

Os valores são princípios éticos e morais que regem as decisões que uma empresa pode ou não tomar. Muitas companhias entendem esses valores também como crenças, cometendo um grave erro na hora de escolher o rumo do negócio.

Portanto, saiba diferenciar crenças e valores na criação deles para o seu comércio. Caso tenha alguma dúvida, pense que crença é algo que você considere justo e benéfico, enquanto valores são ideais que você deposita suas decisões para alcançar algo.

Os valores não deixam de ser crenças, mas é algo mais palpável e menos pessoal, já que assim como a visão e missão, pode ser construído junto de outras pessoas da empresa, buscando criar um ambiente mais agradável a todos.

Alguns locais utilizam placa de sinalização vertical personalizadas para colar nas paredes da empresa, fazendo com que todos os colaboradores que passarem por perto sempre se lembrem dos valores da companhia.

O mais comum é o negócio ter, em média, de 5 a 6 valores nas quais todos se apoiam e seguem para criar um ambiente de trabalho melhor. Normalmente, todos são ligados a regras de conduta ou de excelência.

Por exemplo, existe a empresa X da qual o seu principal serviço é manutenção de carros e prestação de serviços automotivos, como realizar check-ups, posicionar e retirar kit gnv, entre outros. Seus valores podem ser algo como:

  • Respeitar todos os colaboradores;
  • Trabalho em equipe;
  • Eficiência e responsabilidade com o trabalho;
  • Buscar a melhoria contínua;
  • Inovação e sustentabilidade.

Como pudemos acompanhar, todos os valores acima buscam seguir uma conduta ética, e os que não se encaixam nesse espectro, entram em um perfil de trabalho que a empresa espera do colaborador.

Agora que entendemos como cada um desses pilares funciona, é bom se atentar à sua importância na organização com um todo. Portanto, não lide com eles de forma leviana, pois esse erro pode ditar diversos problemas futuros.

Seja uma empresa focada na venda de bolo de aniversário masculino ou na fabricação de peças para automóveis, esses pilares guiarão as decisões do time de acionistas, diretores e sócios da empresa (caso tenha).

Lembrar desses tópicos e seguir todo o planejamento e decisões da empresa em cima deles deve ser uma tarefa constantemente lembrada por todos do negócio. Pode parecer algo irrelevante, mas se toda empresa está em sintonia, o trabalho flui melhor.

Sempre avalie se a empresa está seguindo os fundamentos preestabelecidos. Se toda a companhia decidir por mudar o foco, não há problema desde que continue seguindo seus valores.

______

Está gostando do nosso site? Então cadastre seu e-mail abaixo para se juntar a vários leitores inteligentes do Blog do Convidar para receber novos conteúdos.

Seu e-mail não será compartilhado

Somos contra o SPAM!

______

Por fim, porém não menos importante, iremos te ajudar a como criar esses três pilares de uma forma simples e direta. Talvez os métodos não se adaptem ao que se busca, mas saber outras perspectivas do mesmo assunto sempre é algo válido:

Escrever um anúncio de venda

Baixe o e-book gratuito Como escrever um anúncio de venda


1 – Criando a sua Missão

Para estabelecer a missão de seu negócio, tenha em mente algumas observações como qual tipo de negócio você comercializa, o público-alvo, seu diferencial de outros do mesmo ramo e sua contribuição social.

Tenha em mente que o lucro não é o objetivo, e sim, consequência de um bom trabalho diário de diversos profissionais que têm o mesmo foco: entregar ou oferecer um produto ou serviço de qualidade aos clientes.

Ninguém quer ser reconhecido por algo que não é bom, portanto, essa é uma das partes mais difíceis na criação e gestão de uma empresa. No momento de descrever sua #missão, pense no serviço que você quer entregar ao cliente.

Se você trabalha com serviço de manutenção residencial, um exemplo de missão poderá ser “garantir a segurança e conforto dos clientes, sempre prezando a qualidade e satisfação”.

2 – Criando sua Visão

Quando for realizar a criação da visão de seu negócio, tenha em mente tudo o que foi dito até o momento, tão importante quanto conseguir uma resposta é levantar possíveis dúvidas.

Como você deseja ser visto pelos seus clientes? E por empresas concorrentes? Quais serão os seus maiores desafios? Como aproveitar as oportunidades que surgirem? Essas ações expandirão a empresa para novas áreas de atuação?

Todas essas perguntas devem ser refletidas na criação, porém, lembre-se de criar algo que possa ser atingido conforme o tempo passa, e não algo que fique no campo de ideias e seja pouco palpável.

Por exemplo, em um serviço de logística, a #visão pode ser baseada em “entregar as melhores soluções logísticas que o mercado pode oferecer e dobrar a satisfação de nossos clientes pelos próximos 5 anos”.

3 – Criando os Valores

Já os valores são algo um pouco mais fácil de se compreender,  pois como já dito anteriormente, trata-se de um conjunto de crenças na qual podem ser investidas decisões. Uma espécie de guia moral e de conduta comportamental da empresa.

Na hora de decidir os #valores seja claro e objetivo, bem como, pense em algo que todos da empresa devem seguir para estarem em harmonia. Conhecendo seu público e colaboradores, esse tópico se torna menos complicado.

Por fim, esperamos que este artigo tenha ajudado a entender um pouco melhor a importância desses três pilares organizacionais. 

Comece a pensar no legado que quer deixar com a sua empresa e como quer ser conhecido por todos, e alcance resultados cada vez mais assertivos.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.



GOSTOU DESTE ARTIGO?
FAÇA PARTE DO SELETO GRUPO DE LEITORES INTELIGENTES.

Seu e-mail não será compartilhado Somos contra o SPAM!


Quer saber como melhorar o posicionamento do seu site? Ou, talvez você queira apenas fazer o seu melhor anúncio de vendas… SIM. QUERO SABER MAIS!


No Blog do Convidar publicamos dicas de como anunciar mais com anúncios de vendas mais eficientes. Da mesma forma, dicas de como fazer propaganda grátis na internet de maneira muito fácil.

Como funciona | Nossos Serviços | Análise gratuita  |  Fale Conosco  |  Anuncie Melhor  |

Certamente, gostaríamos de saber sua opinião, suas dicas e comentários. Aproveite o espaço abaixo reservado para a pessoa mais importante no nosso trabalho. Você!