Conheça o conceito dos 4Ps do Marketing 

4Ps

O propósito do marketing é gerar sinergia entre consumidores e marcas com ações de publicidade, atraindo a atenção do público. São vastas as estratégias vigentes no mercado hoje, e os 4Ps são os fundamentos essenciais para isso.

Embora o marketing seja um segmento flexível e dinâmico, para que efetivamente gere resultados, é preciso ter conhecimento das etapas necessárias no momento de elaborar as estratégias.

Sem dúvidas, para melhor obtenção de resultados, é de conhecimento geral que os processos sejam alinhados e definidos.

No entanto, pouco se sabe quais são os embasamentos que as equipes devem ter para analisar os melhores métodos.

Essa base é o respaldo do conhecimento específico que de fato tornam um método válido, que são chamados de pilares.

O marketing possui quatro pilares essenciais para o momento de levantamento de procedimentos, que são os 4Ps do marketing.


Leia também:


O que são os 4Ps?

Também conhecido como Mix Marketing, os 4Ps (ou pilares) são os elementos que quando combinados proporcionam maior facilidade para empresas e marcas se conectarem com seus consumidores, porque apresenta sua oferta para o público.

Assim, uma empresa focada em higienização automotiva no ABC que deseja iniciar no marketing digital, certamente deve elaborar as variações a fim de garantir o cumprimento de suas metas.

Por estar fora de seu nicho de trabalho e não ter pessoal qualificado, a empresa decidiu contratar serviços de consultoria em marketing, afinal, os especialistas são a equipe correta para dar os direcionamentos necessários.

A primeira ação tomada em momento de definição de projeto por parte da consultoria foi questionar para a empresa a clareza sobre quatro pontos:

  • Produto;
  • Preço.
  • Praça;
  • Promoção.

Tais tópicos exigem uma perspectiva estratégica e não tanto operacional, por isso, a companhia decidiu pedir apoio para ter o nítido entendimento dos tópicos questionados e seus impactos para o negócio.

Com o cenário acima, podemos notar que não necessariamente todos os colaboradores e gerência terão o pleno conhecimento de seu negócio, tampouco saberão tomar as diretrizes corretas para trilhar o caminho do sucesso.

Portanto, nesse cenário é indicado que os investimentos sejam feitos para qualificar os colaboradores ou então contratar especialistas.

Entenda o produto

Quando o termo produto é citado, as pessoas costumam voltar os olhos para algo tangível dentro do contexto de varejo.

No entanto, o produto pode ser definido por um pacote de bens ou serviços de uma marca que são oferecidos aos clientes, independente da abordagem ser direta ou indireta. Ou seja, eles devem apresentar soluções.

É verdade que no cenário em que vivemos está em alta a tendência de realizar procedimentos estéticos, por uma série de fatores diversos. Se antes era comum somente às mulheres, hoje é possível ver clínicas focadas em harmonização facial masculina.

A harmonização facial é um combo de procedimentos estéticos cuja finalidade é melhorar a aparência, ressaltando as características do próprio corpo, com a aplicação de botox e enchimentos.

Logo, pode ser compreendida como um conjunto de produtos oferecidos por clínicas de estética, a fim de dar soluções assertivas para consumidores que, neste caso, são indivíduos que estão insatisfeitos com sua aparência ou queiram realçar as características.

O produto é o carro-chefe de uma empresa. Somente com a existência desse P uma marca realiza suas ações de promoção, bem como opta por utilizar demais estratégias.

Conhecendo o preço

É comum que as pessoas confundam os conceitos de preço e custo. Portanto, considere um autônomo que realiza serviços de instalação de sacada de vidro fumê e queira estruturar sua prestação de serviços para ser mais assertivo nos resultados.

O prestador decidiu pesquisar por conta própria como elaborar um preço competitivo, avaliando o custo-benefício de seus serviços e de mesmo novo continuar a lucrar.

O  mesmo notou que o conceito de custo abrange todos os gastos envolvidos para a própria prestação de seu serviço. No custo estão envolvidos os gastos de locomoção, alimentação e materiais para a realização do serviço.

O preço, por sua vez, abarca não só os gastos referente à prestação de serviço em si, mas engloba a mão de obra envolvida. 

Se o prestador de serviço precisar realizar algum curso ou tiver larga experiência no segmento, o preço deverá conter todos os aspectos. No cálculo do preço, portanto, devem ser consideradas as despesas do prestador e a sua mão de obra.

De fato, para lucrar, a empresa deverá considerar as diferenças entre preço e custo, e por fim obter um valor final o qual irá corresponder ao custo efetivo de seu serviço.

Na mesma linha, uma empresa de prestação de serviços em terceirização de portaria deve ter clareza de quais são seus custos, ou seja, o quanto gasta para assegurar sua funcionalidade e a prestação de seus serviços.

Em segundo lugar deve avaliar quais seus diferenciais e vantagens competitivas, tomando então o preço de seus serviços. Por último, deve considerar suas metas de objetivos, além dos tópicos já citados para ter o valor final do serviço, e assim indicar aos clientes.

 

Definindo a praça

A praça está atrelada aos canais de comunicação para que aconteça a relação entre marca e comprador, analisando os locais e redes sociais, no caso do marketing digital, em que as ações devem acontecer.

Dentro do contexto de praça condiz a distribuição das promoções realizadas, avaliando não só os canais oficiais, como outros aspectos que respondam a maneira como o produto será comercializado e entregue ao público.

Considere um e-commerce focado na venda de produtos para o lar, cujo produto de maior rotatividade é a persiana romana sala. Mas, além de seu preço, também é válido saber da logística envolvida na jornada do cliente.

Como o próprio nome sugere, o e-commerce é um canal que realiza vendas online através de sites na internet. Os canais de comunicação, por sua vez, devem ser adequados para esse modelo de negócio, isto é, focar a comunicação via internet.

Apesar de analisar o modelo de venda e a forma de se relacionar com o cliente, deve ser levado em conta como será feita a entrega dos produtos. Serviços de entregas privadas com motoboy e empresas de logística, além dos correios, são os atores do tópico.

É muito mais simples pensar na estratégia de praça quando referidos a produtos tangíveis, mas caso o produto da estratégia for um serviço apresentado, a compreensão se mostra mais complexa.

Dado o cenário de empresas de soluções de limpeza de colchões, certamente a estratégia de marketing não deve ser a mesma voltada para o varejo, por exemplo.

Ao elaborar métodos para uma clara comunicação nos veículos, o negócio em questão deve levar em conta:

  • Conhecimento do público-alvo;
  • Sua linguagem de comunicação;
  • Compreender suas necessidades;
  • Entender seu processo de compra.

Com esses tópicos, é possível aplicar as estratégias de praça para produtos não-tangíveis, que, inclusive, é muito focado no marketing digital e na oferta de serviços.

Estratégias de promoção

Apesar do termo, o último pilar do marketing não se refere à liquidações e descontos, mas sim, diz respeito à persuasão que uma estratégia deve conferir à uma marca.

Com a promoção, o conjunto de escopos a serem analisados para definir estratégias assertivas no processo de chamar atenção do público para apresentar soluções é finalizado.

A promoção ainda é capaz de segmentar qual a abordagem do marketing deverá ser utilizada considerando o público-alvo, o produto que está sendo oferecido, seu preço e vantagens competitivas e os canais de comunicação.

Em outras palavras, nessa etapa são avaliados todos os fatores anteriormente mencionados para, por fim, encontrar a diretriz adequada.

Considerações finais

Embora o mix marketing pareça ser simples na prática, são requeridos alguns pilares para que as estratégias de fato funcionem corretamente e gerem resultados, que é chegar até a audiência do negócio e se mostrar relevante no mercado.

É verdade que o marketing conta com uma flexibilidade da qual permite que sua aplicação seja feita em negócios de diferentes nichos e tamanhos.

Por isso, os métodos são essenciais para negócios locais como serviços de limpeza de cadeira, bem como para multinacionais, responsáveis pela fabricação de alimentos essenciais e outros produtos.

No entanto, deve-se considerar que diferentes nichos exigem também atenção para ter diferentes processos de qualificação de público-alvo, linguagem, processos, assim como o respeito do tempo de decisão por parte do cliente, para que seja possível conhecê-lo.

Com o claro entendimento acerca do comportamento do consumidor, por fim, os métodos devem ser estruturados.

Contudo, o entendimento de suas ações permite que as marcas com o respaldo dos 4Ps e com a análise de quais os melhores métodos a serem adotados em circunstâncias adversas de fato usem as estratégias e gerem resultados satisfatórios. 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.




Quer saber como melhorar o posicionamento do seu site?
Ou, talvez você queira apenas fazer o seu melhor #anunciodevenda ...
SIM. QUERO SABER MAIS!


No Blog do Convidar publicamos dicas de como anunciar mais com anúncios de vendas mais eficientes. Da mesma forma, dicas de como fazer propaganda grátis na internet de maneira muito fácil.

Como funciona | Nossos Serviços | Análise gratuita  |  Fale Conosco  |  Anuncie Melhor  |

Certamente, gostaríamos de saber sua opinião, suas dicas e comentários. Aproveite o espaço abaixo reservado para a pessoa mais importante no nosso trabalho. Você!

 

Obrigado por nos visitar. Deixe uma opinião ou mensagem, isso nos ajuda a melhorar esse espaço

A PUBLICIDADE

É CRUCIAL PARA O SEU NEGÓCIO?
CONHEÇA O PIN!

 
A solução de marketing para empresas e pessoas fazerem mais negócios
Que tal alcançar uma fatia maior do seu mercado consumidor?
Projeto
close-link
Scroll to Top
%d blogueiros gostam disto: