Ícone do site Marketing Digital para empresas e negócios – Blog do Convidar

Como criar um plano de marketing para a sua empresa? Conheça 9 pontos!

marketing

Há muitas coisas com as quais um empresário ou um gestor de vendas precisa se preocupar em um negócio. Contudo, algumas delas se sobressaem, como é o caso do plano de marketing, que pode fazer toda diferença no dia a dia.

Na verdade, trata-se de algo que vai influenciar não apenas no curto prazo, como no aumento considerável das vendas. Mas, também no médio e longo prazo, no sentido de fortalecer a marca e de consolidar a empresa de modo sustentável.

Até aqui tudo bem, o que pouco sabem, infelizmente, é o que exatamente é um planejamento de marketing bem feito. A maioria ainda parece achar que para ter resultados basta fazer anúncios e aumentar o orçamento.

De fato, se uma loja que vende espeto estanhado de alumínio investir mais dinheiro em anúncios, propagandas e patrocínios, ela vai vender mais. Contudo, isso não quer dizer que não seja possível ter resultados ainda melhores.

Sendo assim, resultados mais sólidos e que podem estabelecer realmente um parâmetro e uma expectativa. 

No fundo, é muito melhor contar com algo assim estipulado e estabelecido, do que com algo que pode ir muito bem, porém, de modo sazonal, sem método claro.

Portanto, o plano ou planejamento é aquilo que vai definir melhor um método de trabalho. É como falar sobre uma sistematização do sucesso ou um modo de transformar o marketing da empresa em uma verdadeira máquina de vendas.

Ao falar assim, alguns podem achar que seja algo exagerado, ou mesmo impossível de atingir. Realmente, na internet há muitas pessoas prometendo milagres e falando que é fácil conseguir resultados incríveis, só que de modo superficial.

Mas, o que estamos falando aqui não entra nessa classificação, pois não estamos dizendo que se trata de algo fácil. 

Pelo contrário, vai ser bem mais difícil, porém, também será mais recompensador e mais seguro, por ser algo que tem lastro com a realidade.

O que uma empresa de bebedouro de água para escola vai fazer, neste caso em que estamos explicando, é racionalizar todas as etapas do seu marketing e do seu comercial, extraindo de cada equipe o que ela pode dar de melhor.

Mais ainda, cada funcionário precisa fazer parte desse esforço, pois o planejamento envolve todas as etapas do funil de vendas. O mesmo que pela ótica do cliente é chamado de jornada da compra, também com seus estágios peculiares.

Ao dominar essas etapas e racionalizar o processo, a empresa consegue, justamente, atingir o público-alvo de modo muito mais assertivo. E também consegue otimizar a agenda, os gastos e com isso ampliar cada vez mais os resultados.

Trata-se de um verdadeiro círculo virtuoso, que ao contrário do “círculo vicioso” estabelece um padrão que no começo pode até ser difícil de alcançar. Mas, uma vez atingido, tende a se tornar cada vez mais fácil de ser executado com sucesso.

Também foi por isso que decidimos desenvolver este conteúdo completo sobre o assunto, mostrando em detalhes como você realmente pode criar um plano de marketing para a sua empresa, sem cair em dicas vagas ou genéricas.

Pelo contrário, é preciso mostrar desde os primeiros passos, como fechar um plano de internet empresarial ou pelo menos, desde as etapas iniciais até as finais, que lidam com as principais maneiras de levantar indicadores de sucesso e fidelizar o cliente.

Esse é outro ponto fundamental hoje em dia, pois saber ir desde o pré-venda até o pós-venda é algo que já coloca sua empresa na frente das demais, ou seja, isso vai ajudar na hora de afastar a concorrência e atrair o cliente.

Alguns empreendimentos que não dominam esse planejamento acabam fazendo o contrário, que é literalmente afastar o público-alvo e aproximar a concorrência. 

No sentido de que quanto menos diferencial você tem, mais ouve seus clientes falarem dela.

Para evitar tudo isso, trabalharemos também com exemplos práticos e bem ilustrativos, como modo de tornar os conselhos realmente aplicáveis. Assim quem já quer começar a colocar tudo em prática não fica para trás, nem fica confuso.

De fato, um dos pontos mais interessantes de tudo isso é o fato de que o planejamento de marketing já evoluiu tanto que hoje é possível aplicá-lo a qualquer tipo de empresa, seja qual for o seu modelo de negócio e os seus objetivos.

No fundo, não faz diferença se o segmento ou nicho de mercado lida com vendas, como uma loja de uniforme hospitalar feminino, ou se o foco é a prestação de serviços industriais. Basta que haja uma marca querendo crescer de verdade.

Deste modo, se o seu interesse como dono ou como gestor é realmente aumentar os resultados e mergulhar de cabeça em uma estratégia que pode mudar a história do seu negócio, então basta continuar na leitura até o fim.

O que é esse plano?

Até aqui já ficou claro que o plano de marketing é algo que pode fortalecer uma marca, aumentar as vendas, afastar a concorrência e aproximar o público-alvo.

É uma descrição consideravelmente tentadora, sem dúvida, já que não há muito mais que uma empresa pode querer para si mesma. Contudo, é preciso fazer também uma definição mais técnicas, o que já serve como dica prática.

Basicamente, o plano de marketing é um documento que os líderes e gestores da empresa precisam colocar no papel, definindo os traços principais de tudo o que será feito para a prática de uma campanha de marketing.

Aí já temos um diferencial, pois muitos se deixam levar pelo feeling, pensando que ele pode conduzir o processo, porém, é preciso racionalizar e realmente redigir um documento. 

Se a empresa lida com cobertura em vidro temperado, há muito que estudar, portanto, é preciso compreender pontos como:

Enfim, hoje em dia o marketing se tornou tão complexo que é impossível manter tudo isso de memória, ou mesmo conduzir várias pessoas sem colocar isso no papel.

Após formatar e definir todo o plano de marketing, é preciso que ele se torne parte da cultura organizacional da empresa, chegando a todos os colaboradores envolvidos.

Um segredo também consiste em fazer reuniões e alinhamentos com ele no centro da mesa, de modo que o mapa ou passo a passo do sucesso se torne esse plano de marketing, para que suas etapas não sejam esquecidas ou negligenciadas.

Entendendo o mercado

Há etapas fundamentais na hora de compreender o mercado, que vão desde solidificar seus diferenciais, passando pela concorrência até chegar ao seu público-alvo e às reais possibilidades de mercado.

Tem uma tática ou metodologia que permite fazer tudo isso ao mesmo tempo, que é a do benchmarking ou estudo investigativo do mercado atual.

Antes as empresas pagavam altos valores para realizar algo assim, contratando grandes instituições como o IBGE, que fornece esses dados. Hoje é possível utilizar a própria internet.

Como uma firma de galpão pré fabricado concreto, que pode colocar essa palavra-chave nos motores de busca como Google, Bing, Yahoo e Ask Brasil.

Dali ela já salta para os sites, portais e plataformas da concorrência. Também é possível utilizar as redes sociais, entendendo como essas marcas lidam com seus clientes, parceiros e afins.

Lembrando que não se trata de imitar o concorrente, mas apenas de conhecê-lo melhor. Com isso, seus diferenciais podem ficar ainda mais salientes, e em vez de perder com isso, você só ganha.

As ações práticas

Outro estágio indispensável aqui é o de definir quais as medidas mais práticas, não apenas em termos de campanhas de marketing, mas também de veículos de mídia que serão utilizados e até de membros de cada equipe envolvida.

Basicamente, o esforço vai girar em torno de estratégias como a de colocar o site no ar, e criar um blog em torno dele com conteúdos diferenciados. Depois, marcar presenças nas mídias sociais e nos marketplaces e daí em diante.

Se a empresa lida com aluguel de impressora, também pode fazer anúncios para fazer com que seus conteúdos se espalhem mais rapidamente. Assim, ela cresce de modo orgânico e de modo acelerado ao mesmo tempo.

As equipes e funcionários giram em torno disso, já que cada frente ou ação específica demanda mesmo um mentor responsável.

 

Mensure e melhore sempre

Por fim, é preciso falar sobre o orçamento e as métricas de resultados. Manter tudo isso sob controle é a garantia de que você não vai se perder no meio do caminho.

Depois de três meses de ação, uma escola criança pode aplicar indicadores e métricas para descobrir se os resultados estão indo na direção desejada.

Outra vantagem disso é que você mantém o controle sobre o dinheiro e sobre as ações. 

Afinal, basta dar continuidade ao que funcionou e declinar do que não foi tão bem. Isso reajusta o trajeto, otimiza as energias e maximiza o que for mais promissor.

Considerações finais

Em resumo, hoje em dia é fundamental falar sobre o que é verdadeiramente um plano de marketing e como criar este planejamento em detalhes.

Acima listamos os principais tópicos que precisam estar presentes nesta estratégia, como um verdadeiro mapa ou passo a passo para o sucesso.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.




Quer saber como melhorar o posicionamento do seu site?
Ou, talvez você queira apenas fazer o seu melhor #anunciodevenda ...
SIM. QUERO SABER MAIS!


No Blog do Convidar publicamos dicas de como anunciar mais com anúncios de vendas mais eficientes. Da mesma forma, dicas de como fazer propaganda grátis na internet de maneira muito fácil.

Como funciona | Nossos Serviços | Análise gratuita  |  Fale Conosco  |  Anuncie Melhor  |

Certamente, gostaríamos de saber sua opinião, suas dicas e comentários. Aproveite o espaço abaixo reservado para a pessoa mais importante no nosso trabalho. Você!

 

Sair da versão mobile